Procedimento Concursal para Provimento de um Cargo de Direção Intermédia de 3º Grau para a Unidade de Atração e Apoio ao Desenvolvimento Económico

​Código da Oferta: OE201804/0103

Tipo Oferta: Procedimento Concursal para Cargos de Direção

Estado: Ativa

Nível Orgânico: Câmaras Municipais

Organismo: Câmara Municipal de Vendas Novas

Regime: Cargos não inseridos em carreiras

Cargo: Direção Intermédia de 3ºgrau

Área de Atuação:

Unidade de Atração e Apoio ao Desenvolvimento Económico (Artigo 37.º do Regulamento da Estrutura e Organização dos Serviços do Município de Vendas Novas, publicado no Diário da República, 2.ª série, N.º 249, de 22 de dezembro de 2015)

Remuneração: 1819,38

Suplemento Mensal: 0.00 EUR

Conteúdo Funcional:

Direção, coordenação e controlo das atividades desenvolvidas na Unidade deAtração e Apoio ao Desenvolvimento Económico (Artigo 37.º do Regulamento da Estrutura e Organização dos Serviços do Município de Vendas Novas, publicado no Diário da República, 2.ª série, N.º 249, de 22 de dezembro de 2015), bem como as competências previstas para o pessoal dirigente no artigo 15.º da Lei n.º 49/2012, de 29 de agosto, na sua redação atual, com as necessárias adaptações

Habilitação Literária: Licenciatura

Descrição da Habilitação: Licenciatura em economia ou gestão

Perfil: Licenciado dotado de competência técnica e aptidão para o exercício de funções de direção, coordenação e controlo; capacidade de liderança, espírito de iniciativa, capacidade de planeamento e organização e de gestão de motivações; experiência comprovada na área de atuação do cargo posto a concurso; Capacidade para: gerir com rigor e eficiência os recursos humanos, patrimoniais e tecnológicos afetos à sua unidade orgânica, otimizando os meios e adotando medidas que permitam simplificar e acelerar procedimentos; assegurar a qualidade técnica do trabalho produzido na sua unidade orgânica e garantir o cumprimento dos prazos adequados à eficaz prestação do serviço, tendo em conta a satisfação do interesse dos destinatários; efetuar o acompanhamento profissional no local de trabalho; divulgar junto dos trabalhadores os documentos internos e as normas de procedimento a adotar pelo serviço, bem como debater e esclarecer as ações a desenvolver para cumprimento dos objetivos do serviço, de forma a garantir o empenho e a responsabilização por parte dos trabalhadores; proceder de forma objetiva à avaliação do desempenho dos trabalhadores da sua unidade orgânica e identificar as necessidades de formação específica desses trabalhadores; proceder ao controlo efetivo da assiduidade, pontualidade e cumprimento do período normal de trabalho por parte dos trabalhadores na sua unidade orgânica; executar a gestão de toda a divisão

Métodos de Seleção a Utilizar: Avaliação curricular e entrevista pública

Composição do Júri:

Presidente: Helder José Páscoa Fernandes, Chefe da Divisão Administrativa e Financeira do Município de Vendas Novas; Vogais: Maria Rosa Garcia Cavaco, Chefe da Divisão Administrativa e Financeira do Município de Portel e Vera Cristina Marques Bailote, Chefe da Divisão Administrativa e Financeira do Município de Mourão

Requisitos Legais de Provimento: C - Os constantes no artigo 12º e n.º 3 do art.º 4º da Lei n.º49/2012, de 29 de agosto trabalhadores com relação jurídica de emprego público por tempo indeterminado, dotados de competência técnica e aptidão para o exercício de funções de direção, coordenação e controlo que reúnam cumulativamente: a) Habilitações académicas ao nível da licenciatura ou superior; b) Dois anos de experiência profissional em funções, cargos, carreiras ou categorias para cujo exercício ou provimento seja exigível a habilitação referida na alínea anterior; c) Dois anos de experiência profissional na área de atuação do cargo a prover; d) Formação adequada ao exercício de funções no cargo a prover;

Requisitos de Nacionalidade: Sim

Jornal Oficial/Órgão de Comunicação

Social: Diário da República, 2ª série nº 67 de 5 de abril de 2018

Local: Municipio de Vendas Novas, Praça da República, 7080-099 Vendas Novas

Formalização da Candidatura: As candidaturas deverão ser formalizadas, mediante preenchimento de formulário disponível em http://www.cm-vendasnovas.pt, apresentado em suporte de papel e entregue pessoalmente na Secção de Recursos Humanos do Município de Vendas Novas, ou enviado por correio registado com aviso de receção para o Município de Vendas Novas (Praça da República, 7080-099 Vendas Novas), no prazo de dez dias úteis a partir da data da publicação do aviso na Bolsa de Emprego Público. O requerimento deverá ser acompanhado da seguinte documentação, implicando, na sua ausência, a exclusão do presente procedimento concursal:

a) Curriculum vitae detalhado, datado e assinado, do qual devem constar, designadamente, as habilitações literárias, a atividade profissional atual, a experiência profissional anterior, com indicação dos períodos de duração e atividades relevantes, formação profissional detida, com indicação das ações de formação finalizadas, respetiva duração e datas de realização;

b) Documentos comprovativos das habilitações literárias (cópia);

c) Documentos comprovativos das ações de formação profissional frequentadas com indicação da entidade que a promoveu, período em que as mesmas decorreram e respetiva duração (cópia);

d) Declaração, devidamente atualizada, do serviço de origem do candidato com a descrição da respetiva relação jurídica de emprego público (vínculo, carreira, categoria, posição remuneratória e antiguidade na categoria, na carreira e na função pública, reportada ao dia seguinte ao da publicitação do Aviso na Bolsa de Emprego Público);

e) Quaisquer outros documentos que os candidatos considerem relevantes para a apreciação do seu mérito;

f) Estão dispensados da apresentação dos documentos referidos nas alíneas b) e d) do ponto anterior, os trabalhadores do Município de Vendas Novas;

g) Assiste ao júri a faculdade de exigir aos candidatos, em caso de dúvida, sobre a situação que descreveram, a apresentação dos documentos comprovativos das suas declarações

Contacto: 265807710; recursoshumanos@cm-vendasnovas.pt

Data de Publicação 2018-04-05

Data Limite: 2018-04-19

Observações Gerais:

a) As falsas declarações prestadas pelos candidatos implicam a sua exclusão, independentemente do procedimento criminal ou disciplinar a que houver lugar;

b) O júri, findo o procedimento concursal, elabora a proposta de nomeação com a indicação das razões pelas quais a escolha recaiu sobre o candidato proposto, abstendo-se de ordenar os restantes candidatos, conforme o disposto no n.º 6, do artigo 21.º, da Lei n.º 2/2004, adaptada à Administração Local pela Lei n.º 49/2012;

c) O júri pode considerar que nenhum dos candidatos reúne as condições para ser nomeado;

d) Os candidatos são notificados do resultado do concurso, não havendo lugar a audiência dos interessados, conforme o estipulado no n.º 13 do artigo 21.º da Lei n.º 2/2004, adaptada à Administração Local pela Lei n.º 49/2012;

e) O presente aviso será publicado, para além do Diário da República, em órgão de imprensa escrita de expansão nacional e na Bolsa de Emprego Público (BEP), conforme o disposto no artigo 21.º da Lei n.º 2/2004, adaptada à Administração Local pela Lei n.º 49/2012